2019-10-15

Desperdício de talento by Fernando Santos


Partilha :
Fernando Santos
É triste ver uma Selecção Nacional recheada de magníficas individualidades jogar tão pouco do ponto de vista colectivo. A equipa portuguesa vive de iniciativas individuais de alguns jogadores, porque ao nível da organização colectiva é muito fraca. Há muitas vezes uma espécie de anarquia dentro do campo. A incapacidade de os jogadores portugueses fazerem um pressing consertado que possibilitou aos ucranianos projectarem-se imensas vezes no ataque de forma fácil é só um exemplo do que acabei de dizer. É cada um por si! Ofensivamente, só Nélson Semedo e Bernardo Silva conseguiram algumas combinações interessantes. De resto, tudo demasiado desligado. Ucrânia muito superior enquanto equipa, a justificar claramente a vitória. Este Portugal da era Fernando Santos continua muito cinzento. Falta trabalho de treinador a esta equipa! E muito!

Sem comentários:

Enviar um comentário