2019-08-16

A humildade e a classe de Bruno Lage


Partilha :
A humildade e a classe de Bruno Lage
"Temos de olhar para o panorama do futebol português: não nos podemos esquecer do percurso do FC Porto na Liga dos Campeões nos últimos 20 anos, que foi a equipa que mais pontuou para ainda termos uma equipa directa na fase de grupos. Nós também temos de ter essa responsabilidade."

Além de um grande treinador, está aqui um grande homem! São precisas mais pessoas destas no futebol português. Pessoas que valorizam o jogo, aquele que se passa dentro do campo, que fogem a polémicas e temas que só puxam o futebol luso para baixo, que respeitam os adversários, que servem de exemplo para todos quantos acompanham este fenómeno.

Muita gente diz que só quando surgirem as derrotas e ele sentir as primeiras dificuldades e sair do estado de graça em que se encontra desde que substituiu Rui Vitória, é que se vai ver a sua verdadeira personalidade. Talvez aí adopte um discurso mais inflamado e menos desportivo. É um facto que quando se ganha, é mais fácil ser um gentleman. Mas mesmo em bons momentos, quantos treinadores falariam assim do principal rival interno?

Bruno Lage é uma lufada de ar fresco neste futebol por vezes asfixiado por palhaçadas extra-futebol.

Sem comentários:

Enviar um comentário